Zerizut: Parte 3

Aula 12 de maio de 2021

Mussar e Midot Tovot

Midá da semana:

Hebraico: זְרִיזוּת  (Zerizut) = zelo, agilidade, entusiasmo. 

R. Moshé Chayim Luzzato (1707-1746): 

“O homem é por natureza muito sobrecarregado por aquilo que é terreno e pela materialidade vulgar. É por isso que ele não quer se esforçar ou carregar o jugo de suas responsabilidades. Mas se você deseja merecer o serviço divino, deve lutar contra essa natureza e ser automotivado e entusiasta. Pois se você ceder ao peso [das coisas terrenas], não terá sucesso em sua busca”.

Provérbios 6:

6 Vai ter com a formiga, ó preguiçoso, 

considera os seus caminhos e sê sábio. 

7 Não tendo ela chefe, 

nem oficial, nem comandante, 

8 no estio, prepara o seu pão, 

na sega, ajunta o seu mantimento. 

9 Ó preguiçoso, até quando ficarás deitado? 

Quando te levantarás do teu sono? 

10 Um pouco para dormir, um pouco para tosquenejar, 

um pouco para encruzar os braços em repouso, 

11 assim sobrevirá a tua pobreza como um ladrão, 

e a tua necessidade, como um homem armado.

Sobre Provérbios 6:6-11, explica o Rabino Gaon de Vilna que o texto nos ensina sobre três características da formiga que devem ser observadas pelo homem: 1) boas obras; 2) bons atributos e 3) sabedoria. (1) Boas obras. Se alguém é preguiçoso, deve lembrar-se que as formigas muito trabalham e são tão diligentes que chegam a juntar mais comida do que o necessário para a sua sobrevivência. Então, temos que nos esforçar para praticarmos boas obras. (2) Bons atributos. A formiga não pega o que pertence a outra formiga. Da mesma forma, devemos ter uma conduta correta perante o próximo. (3) Sabedoria. A formiga sabe guardar a sua comida de modo que não estrague. Analogamente, não podemos deixar estragar tudo o que HaShem nos oferece: nossa vida, família, casamento, trabalho, ministério etc.

Conta-se que quando o Rabino Simchá Zissel Ziv (1824-1898) se levantava de manhã, pulava da cama com uma grande pressa como se estivesse diante dele um homem para matá-lo. Ele fazia isso para vencer a preguiça e implementar em si mesmo o traço e zerizut.

Frase da semana: E se não for agora, quando?

Prática: Todo dia você deve pensar em algo que não está fazendo (algo que está sempre deixando para depois) e fazer logo.

Anotações (diário): Anote suas observações pessoais acerca da prática diária das midot.

Don`t copy text!